Tudo o que você precisa saber sobre enxaguante bucal

O enxaguante bucal não substitui uma boa escovação e o uso do fio dental. Porém, ele é um grande aliado para a higiene bucal perfeita.

Na hora de escolher o melhor enxaguante bucal, peça orientação do seu dentista. O ideal é buscar produtos sem álcool e que sejam efetivos na eliminação das bactérias. Muitos enxaguantes servem apenas para dar aquela sensação de refrescância na boca, mas não possuem ação efetiva contra a placa bacteriana.

Além de encontrar o enxaguante ideal, que elimina o mau hálito, previne doenças e infecções, é preciso utilizá-lo diariamente. Saiba mais porque o enxaguante bucal é importante e como ele contribui para um sorriso mais saudável!

1. Diminui a incidência de bactérias nocivas

O enxaguante bucal, como explicamos, não substitui a escovação nem o uso do fio dental. No entanto, quando usado juntamente com eles, ele ajuda a combater a placa bacteriana.

O acumulo de placa bacteriana é uma das principais causas de doenças bucais, como a gengivite e as cáries. Logo, escova, fio e enxaguante bucal são o trio perfeito para manter o sorriso mais bonito!

2. Ajuda a eliminar o mau hálito

O mau hálito, ou halitose, também tem como causa o acúmulo de placa bacteriana. Seja pelo tipo de alimentação, falta de uma correta higiene bucal, dietas, estresse ou xerostomia, o mau hálito acaba sendo um problema para muita gente. Para evitá-lo, ou mesmo preveni-lo, o enxaguante bucal é uma excelente alternativa. Além de acabar com o famoso bafo, ele garante a sensação de frescor por mais tempo.

3. Previne o aparecimento de cáries

Muita gente não sabe, porém, as cáries não costumam apresentar nenhum sintoma em seu estágio inicial. Por isso, muitos pacientes quando chegam ao consultório já estão em um estágio avançado e buscam o dentista por conta da dor. Para evitar as cáries, além de visitas periódicas ao dentista, é essencial realizar uma boa higiene bucal diariamente. Além da escovação dos dentes e da língua, o fio dental e o enxaguante bucal ajudam a prevenir o problema.

4. Auxilia no tratamento da doença periodontal

A doença periodontal, ou periodontite como também é chamada, é uma inflamação crônica da gengiva. Ela pode ter várias causas, que vão desde a genética, hormônios, cigarro e até medicamentos.

[Saiba mais sobre o que é e como tratar a periodontite!]

Para tratar a periodontite o paciente precisa ser disciplinado quanto a higiene bucal e o enxaguante bucal serve como um aliado na hora de evitar que a doença se agrave.

5. Ajuda na cicatrização

Para quem realizou um implante, tirou o siso ou fez qualquer tipo de cirurgia, o enxaguante bucal é indispensável. Além de evitar a halitose nesses casos, ele também ajuda no processo de cicatrização.

6. Faz parte da higiene bucal perfeita

Escovar os dentes corretamente, a língua e usar o fio dental não basta! O enxaguante bucal ajuda limpar completamente a boca, removendo a sujeira em locais mais difíceis. Após o uso do fio dental, é comum que alguns restos de comida ainda fiquem entre os dentes ou mesmo na boca. O enxaguante serve para removê-los, fazendo a higiene bucal perfeita.

[Quer saber o passo a passo para a higiene bucal completa? Então, não deixe de conferir!]

7. Ajuda minimizar o desconforto da xerostomia

A xerostomia, ou escassez de saliva, tem diversas causas. Além do mau hálito, ela causa desconforto por conta da sensação constante de boca seca. Com o uso do enxaguante bucal, esse problema pode ser eliminado e ele também ajuda a evitar a placa bacteriana, que é bem comum para quem tem a doença.

O enxaguante bucal para muita gente é considerado apenas um detalhe. Há quem ache até que é uma frescura. Porém, ele tem um papel importante na higiene da boca e tem uma série de vantagens para quem o utiliza diariamente.

Usando o produto certo, você tem menos chances de enfrentar os desconfortos das doenças bucais e, claro, aquele terrível bafo!

Gostou dessas dicas? Então, não deixe de conferir também como encontrar a escova de dentes perfeita! Clique aqui e saiba mais!