Embora a maioria dos pacientes fique satisfeita com os resultados de um tratamento ortodôntico, muitos consideram a manutenção do aparelho ortodôntico um verdadeiro inconveniente. Isso porque as visitas ao dentista, além de consumirem tempo, acabam gerando dor e desconforto devido aos ajustes no aparelho. Ainda que essa seja a parte chata, a manutenção é essencial para o bom desenvolvimento do tratamento. Em outras palavras, faltar da manutenção do aparelho ortodôntico apenas atrasa os resultados e encarece o tratamento.

Para saber o que é e porque a manutenção do aparelho ortodôntico é tão importante, vale a pena conferir! Para quem estava pensando em desmarcar o dentista, pode ter certeza que esse post será muito útil!

O que é a manutenção do aparelho ortodôntico

Tanto o aparelho fixo quanto o aparelho móvel funcionam à base de ajustes. Depois de identificados todos os problemas do paciente, o ortodontista monta um aparelho sobre medida, que vai sendo ajustado de acordo com a movimentação dos dentes e da arcada.

No caso do aparelho móvel, esse ajuste é feito através de novos aparelhos mais justos que visam movimentar o dente e a arcada até que a oclusão (mordida) fique perfeita. Já no caso do aparelho fixo, essa movimentação é promovida pelos arcos, que ligam os braquetes fazendo com que os dentes também se movimentem.

No caso do aparelho fixo, a manutenção do aparelho ortodôntico é fundamental não apenas para o desenvolvimento do tratamento, mas principalmente para a higienização da boca. Como esse tipo de aparelho acaba dificultando a limpeza, a manutenção do aparelho ortodôntico tem como finalidade também remover o tártaro, a placa bacteriana e a sujeira que não é removida através da escovação tradicional.

Qual a importância da manutenção do aparelho ortodôntico?

Um tratamento ortodôntico é feito por fases. Isso significa que após o molde da boca do paciente, o ortodontista elabora um aparelho sob medida que será alterado durante todo o tratamento.

O ajuste, conforme é chamado pelos pacientes, é o que promove o alinhamento dos dentes gerando o resultado esperado.

Embora no primeiro dia, logo após a visita ao dentista, a maioria dos pacientes se queixe do incômodo, esse desconforto é necessário e deve ser suportável em termos de dor. Caso o paciente tenha muita dor, o ortodontista poderá receitar alguns analgésicos para minimizar o problema. O uso de uma massa protetora para evitar machucar as mucosas das bochechas também é outra alternativa que pode ser utilizada para diminuir o desconforto.

De quanto em quanto tempo devo fazer a manutenção do aparelho ortodôntico?

O tempo de manutenção varia conforme o tipo de aparelho e o diagnóstico do paciente. A maioria dos casos, no entanto, a manutenção do aparelho ortodôntico ocorre a cada 30 dias. No caso do aparelho fixo, pacientes que viajam a trabalho ou tem dificuldades de comparecer ao dentista, em geral é adotado um aparelho com braquetes auto ligados que possibilitam períodos de manutenção mais longos, com dois ou três meses de intervalo entre as visitas.

Como o tratamento ortodôntico é gradual e seus resultados também dependem do paciente, deixar de comparecer as visitas apenas atrasa o tratamento, deixando-o mais caro e desestimulando o paciente. Quem usa aparelho, não deve deixar de fazer a manutenção do aparelho ortodôntico periodicamente. O sorriso e o bolso agradecem!