Quanto custa uma prótese dentária?

Além do prejuízo estético, a perda dos dentes pode comprometer o equilíbrio da arcada dentária, afetando a mastigação e a fala. Para evitar que a movimentação dos dentes remanescentes cause problemas dessa natureza, o ideal é buscar o auxílio de um dentista o quanto antes, para subtituir os dentes faltantes com a colocação de uma prótese dentária. Aperte o play abaixo e escute o áudio do artigo e deixe sua opinião nos comentários. Infelizmente muitos pacientes tardam em buscar a ajuda de um profissional com receio dos custos envolvidos no tratamento. Porém, deixar para depois a colocação da prótese pode agravar ainda mais os problemas ocasionados pela falta dos dentes e, consequentemente, deixar o tratamento mais caro. Como e onde se faz uma prótese dentária? Existem diversos tipos de próteses dentárias. Elas podem ser fixas ou móveis e servem para substituir todos ou apenas alguns dos dentes perdidos. Antes de colocar

Conheça os tipos, vantagens e desvantagens de cada prótese dentária

A perda de um ou mais dentes, além de desagradável, pode prejudicar a mastigação, a fonética e a estética do paciente. A ausência dos dentes também pode acarretar na movimentação dos dentes remanescentes e na reabsorção óssea, entre outros problemas. Para esses casos, é necessária a adoção de próteses dentárias, uma solução bastante comum. Porém, as pessoas ainda têm muitas dúvidas, em especial, na hora de escolher sobre os tipos de próteses e sobre quais as vantagens e desvantagens que cada uma proporciona. Conheça também os 4 mitos sobre as próteses dentárias Se este é o seu caso, separamos um post especial para esclarecer quais os tipos, benefícios e inconvenientes causados por cada prótese e o grau de conforto e segurança que cada uma oferece. Vamos a elas? Tipos de próteses São dois os tipos de prótese dentária: a prótese removível e a prótese fixa. No caso da removível, o paciente

7 dicas para quem usa prótese dentária

A colocação de uma prótese dentária é um processo delicado que exige paciência durante o processo de adaptação. É preciso readequar uma série de rotinas que vão desde a alimentação, fala e a higienização. Para quem usa a prótese, selecionamos sete dicas que podem ajudar nesse processo e simplificar a adaptação à prótese, seja ela fixa ou móvel. Treine a dicção Após a colocação da prótese, é comum sentir dificuldade para pronunciar algumas palavras e letras como “s” e “f”, por exemplo. É necessário passar por um período de adaptação até que você se sinta confortável com sua dicção. Para tornar o processo de adaptação mais efetivo, procure ler materiais como livros, revistas e jornais em voz alta, de preferência na frente do espelho. Salivação No início é comum que o paciente se sinta inseguro com a prótese e o processo de salivação e deglutição fique comprometido. Para evitar que a saliva

Implantes dentários, saiba qual escolher

Os Implantes dentários tem como objetivo restaurar a saúde bucal, assim como o tratamento de canal, devolvendo um ou mais dentes perdidos e ausentes, melhorando assim, a mastigação, a fala, a estética e a autoestima do paciente. É constituído por um pino implantado cirurgicamente no osso e tem a função de raiz de dente para posterior adaptação de uma única, ou várias coroas protéticas, que podem ser fixas ou removíveis. Até aí tudo bem, você já sabia. Mas com tanta tecnologia e avanços na área de Odontologia, fica difícil saber qual dos tantos implantes existentes no mercado é o mais indicado para o seu caso, não é verdade? Saiba então, como escolher. Quais os tipos de implantes dentários? São inúmeros os tipos de implantes fabricados por empresas no Brasil e de todas as partes do mundo. Isso faz com que cada um produza um tipo diferente de implante dentário, desde os mais simples até os mais sofisticados. O